Início > Novidades, Vídeos > Escritores riem de tese da Rede Globo

Escritores riem de tese da Rede Globo

Os escritores Marcelino Freire e Cristovão Tezza participaram nesta semana do programa “Entre aspas”, apresentado por Mônica Waldvogel na GloboNews. Com bom humor, os dois escritores rechaçaram a tese da Globo (e da velha mídia), que, a partir de trechos retirados do contexto, ataca o livro “Por uma vida melhor”, adotado pelo Ministério da Educação para turmas de jovens e adultos.

Quando a apresentadora fala em “regra errada do português”, imediatamente Tezza, professor aposentado da UFPR, a interrompe e a corrige: “Variedades não padrão”.

Mônica responde: “Estamos tucanando aqui”. Ao que Tezza rebate: “É um conceito linguístico esse. Todas as línguas do mundo funcionam assim, são variedades. […] A diferença entre dialeto e uma língua é que uma tem exército, e a outra não. É a história das línguas.”

Marcelino Freire cita o poeta Sérgio Vaz: “Quando a gente diz nós vai, é porque nós vamos”.

Tezza explica:

“Quando você constrói uma gramática escrita, você escolhe formas, passa a escrever essa formas, passa a defendê-las. E elas passam a ser o certo. E aí se começa a estigmatizar o que não está daquela forma. Isso é construção histórica das línguas padrões […].

O conceito de variedade linguistica é fundamental, não há mal nenhum em mostrar aos alunos, mesmo dos primeiros anos, que a língua é um conjunto de variedades, inclusive para trabalhar com a diferença e a importância da norma culta. O que não precisa é humilhar ninguém para fazer isso.. é um processo esmagador, a escola tem muito poder, o aluno chega lá, só fala a variedade dele, o professor vai olha, você é burro, senta ali no milho… não. Vamos trabalhar de outra forma. É uma questão didática.”

“Que conselho vocês dão aos que estão tão preocupados?”, questiona a apresentadora, ao final do programa.

É a deixa para Freire arrematar:

“Vão de Adoniram Barbosa: “Arnesto nos convidou / prum samba ele mora no Brás / Nóis fumo, num encontremo ninguém…” [mais risos]

Fonte:
http://drrosinha.com.br/livrodidatico/
O programa na íntegra (24 minutos) pode ser assistido clicando aqui.

Por Débora P. – Post sugerido por Ana Amália.

Anúncios
Categorias:Novidades, Vídeos
  1. Maria Vitória Munhoz
    26/05/2011 às 10:19

    Que bom seria se todos tivessem a clareza e o discernimento para entender o diálogo dos escritores Marcelion Freire e Cristovão Tessa!!! Muito bom mesmo….

  2. 29/05/2011 às 06:28

    Estou adorannnnnnnnnnnnnndo vocês. Parabéns pela iniciativa. Sinto-me, enfim, vingada dessa corja de jornalistazinhos inhos inhos das organizações Globo. Arrogantes, prepotentes, desrespeitosos. Deveriam se sentir envergonhados com o que fizeram e vivem faendo nos seus programas televisivos e jornais e revistas impressos. Já sou uma seguidora de vocês no twitter e estou linkando este blog lá no meu blog e endereçando este link através de emails enviados aos meus contatos. Parabéns mais uma vez. Espero que continuem em frente com esse projeto. Nós, professores, precisamos de vozes e espaços que nos acolham. Sou formada em Letras embora a minha prática venha sendo há anos mais no campo dos fundamentos da educação, especialmente da Educação de Jovens e Adultos, campo este que me fez cconhecer a coleção Viver e Aprender que considero de muita qualidade. Um grande abraço e saibam que estarei com frequência visitando esta página.

  3. 08/10/2011 às 00:17

    Quem se opõe ao ensino das variações linguisticas nas escolas, está, no mínimo, ferindo a própria língua portuguesa.
    Creio que nossa elite nunca ouviu falar em latim vulgar e o que se sucedeu dele.

  1. No trackbacks yet.

Deixe um comentário

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s

%d blogueiros gostam disto: